Info Equestre
Reprodução Edição 4° Ano 2019

Lacerações Perineais e de Cérvix em Éguas

Lacerações Perineais e de Cérvix em Éguas
V.4,n.36 (2019)

Lacerações Perineais e de Cérvix em Éguas

A ocorrência de traumas no trato reprodutivo de éguas pode ser observada em virtude das alterações que são causadas durante o parto. Comumente, observam-se lacerações perineais e de cérvix no pós-parto que podem evoluir para complicações mais graves, estando entre os principais traumas cirúrgicos que são encontrados.

As mudanças na conformação anatômica do trato reprodutivo caudal durante o parto são as maiores responsáveis pelo surgimento destas afecções, principalmente em casos onde o parto eutócico não acontece. A probabilidade aumenta quando ocorre distocia fetal, quando o casco se prende nas dobras da vagina, por prestação de assistência incorreta e por cruzamentos com garanhões de porte maior, gerando potros grandes (STAINKI E GHELLER, 2001).

PARA CONTINUAR, ASSINE UM PLANO 
Entrar
*
Usuário
O nome de usuário não pode ser deixado em branco.
Please enter valid data.
*
Senha
A senha não pode ser deixada em branco.
Please enter valid data.
Por favor, insira pelo menos 1 caracteres.
Entrar
 
 
 

Posts relacionados

Dieta com Ácidos Graxos e o Poderoso Ômega 6

hugo garcia da silveira 16996446886

Parascaris equorum em equinos

Maira Munaretto

Semiologia do Sistema Digestório Equino

Redação InfoEquestre

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais

ASSINE AGORA 

O maior portal técnico Equestre com + de 600 conteúdos disponível com publicações diárias.
 
ASSINAR
close-image
error: Conteúdo protegido !!