Info Equestre
Fisiatria e Reabilitação

Uso Da Acupuntura Na Medicina Esportiva Equina.

Uso Da Acupuntura Na Medicina Esportiva Equina. 1

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) tem como crença que “tudo na natureza é energia” ou Qi. O Qi é dividido em Yin e Yang e estes são antagônicos. Na MTC, a doença é classificada como um desequilíbrio entre o Yin e Yang, e acredita-se também que a energia flui ao longo de canais específicos de meridianos, e estes meridianos comunicam-se com os órgãos e extremidades do corpo, regulando suas funções fisiológicas e mantendo a homeostase do organismo.

A acupuntura pode ser designada como uma estimulação de pontos predeterminados ou específicos, com o objetivo de alcançar um efeito terapêutico ou homeostático. Essa técnica visa também auxiliar a função do sistema neuroendócrino, agir na pressão sanguínea, respiração, pulso, sistema reprodutor e período de cicatrização, sendo esses efeitos esperados tanto no homem, quanto no eqüino. A acupuntura exerce ainda efeito de modificação da concentração plasmática do cortisol.

Os efeitos da acupuntura são explicados através de diferentes teorias. A teoria mais antiga utilizada é a dos 5 (Cinco) processos básicos -Madeira, fogo, metal, terra e água -, sendo que esses processos são dependentes, e cada um é responsável por governar diferentes órgãos dos sentidos, emoções, cores, sabores, dentre outros.

A acupuntura está associada à liberação de â-endorfinas, que são opióides identificados na modulação de dor e na inibição da transmissão nociceptiva da mesma em todos os níveis do sistema nervoso. A acupuntura e o exercício apresentam efeitos fisiológicos muito semelhantes, pois atenuam o sistema nervoso, estimulam fibras nervosas aferentes e produzem efeitos similares no sistema pulmonar e cardiovascular.

As lesões causadas pelo esporte, na MTC são caracterizadas como resultado de estresse acumulado sobre os tecidos enfraquecidos, ou devido ao sistema imunológico debilitado, e em outras ocasiões, por ambos. Existem fatores patogênicos internos e externos que também são coadjuvantes importantes nessas lesões, como frio, calor, vento, tempo seco e umidade. O estresse causado por viagens, mudança de dieta, manejo e dor podem gerar problemas como estado de alerta, depressão, raiva e medo, e estes afetam diretamente os órgãos, deprimindo baço-pâncreas e o Qi do pulmão, podendo causar também estagnação do Qi do fígado (Um exemplo é a deficiência de sangue no fígado), além de deprimir o Qi do Rim.

Em cavalos atletas, outro exemplo que pode ocorrer com freqüência é a queda de desempenho devido à dor lombar crônica, e o uso de terapias complementares, como ervas e acupuntura, tem demonstrado grande efetividade. Contudo, nesse caso deve-se utilizar a acupuntura combinada com o casqueamento correto, técnicas de montaria que não causem problemas de saúde no animal, além de um manejo e encilhamento que não causem estresse. Os equinos tratados com acupuntura apresentam grande melhora de desempenho, retornando ao nível esportivo anterior ou até elevando-o.

A acupuntura nos equinos é usada como um auxilio diagnóstico de lesões do tipo osteomuscular. Os diagnósticos são feitos baseados no trajeto dos meridianos, além dos pontos de assentimento ou associação, e também com o uso da teoria dos cinco elementos. Dessa forma, torna-se possível o diagnóstico de lesões de tendões, ligamentos, articulações, lesões ósseas e musculares.

Existem diversas técnicas para estimular os pontos específicos, como acupuntura com agulhas, eletroacupuntura, aquapuntura, estimulação a laser, implantes de ouro, entre outros que podem ser utilizados para diferentes níveis de lesão, diferentes tipos de doença e tratamento. O número de tratamentos e sessões de acupuntura dependem da cronicidade e severidade da doença, e o tempo pode variar entre 5 a 30 minutos.

Texto por: Maria Eugênia Schiavoni, estudante do 6º Termo de Medicina Veterinária no Unisalesiano de Araçatuba-SP

Revisão e Edição: Deivisson Ferreira Aguiar – Médico Veterinário CRMV/ES 1569 – Muniz Freire/ES

REFERÊNCIA

ANGELI, A. L.; JOAQUIM, J. G. F.; LUNA, S.P.L. Acupuntura Aplicada à Medicina Esportiva Equina. Rev. Acadêmica., Curitiba, v.5, n.3, p.325-33., Jul/ Set. 2007.

Posts relacionados

Acupuntura aplicada à Medicina Equina

Hugo

Utilização de Laserterapia associado ao tratamento convencional de lesões.

Hugo

Quiropraxia em equinos. O estralo da saúde

Hugo

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais

Política de Privacidade e cookies